quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Mas o que é isto???

Durante todo o ano é sempre a mesma coisa! Nesta rua adjacente a Rua Vasco da Gama podemos encontrar uma colecção requintada de automóveis. Entendo que exista falta de estacionamento em Quarteira, nomeadamente na baixa, mas apelo ao bom senso das pessoas e não estacionem em zonas que são pedonais.


Pior ainda é o facto de serem derrubados pilares que têm como função impedir que situações destas ocorram. Já em 44 a.C, Júlio César preocupava-se seriamente com a entrada de carroças em Roma, tanto foi que decretou que às x primeiras horas do dia não podiam entrar carroças e só podiam circular a vontade de noite. Nao sou tão radical quanto o amigo César, mas defendo que Quarteira perde muito do seu potencial porque se estaciona onde não se deve.

Penso que a questão do estacionamento é uma das mais importantes e acredito que não se está a dar o devido valor. Muitas vezes fico surpreendido com a velocidade em que as coisas em concelhos como Albufeira acontecem. Atitude de Loulé para com Quarteira, no que toca a essa questão é quase... Deixa andar!

3 comentários:

Carlos Carmo disse...

Concordo com a chamada de atenção, mas a Autarquia Louletana tem imensa culpa neste aspecto, pois promete-se muita vez estacionamento para Quarteira (uma das maiores necessidades) e para isso o que se faz? Corta-se umas árvores pois irão assim arranjar mais uns 20, 30 ou mesmo 40 lugares... Tenham vergonha... Será que os Quarteirenses não merecem mais e melhor???

João Santos disse...

Hoje de manhã ao passar perto do local encontro um carro de patrulha com três GNR´s a passar multas a estes mesmos automóveis.

Não sei se foi do post, mas parece que estava adivinhando que fosse acontecer algo do género.

Sem dúvida amigo Carlos, a falta de estacionamento é uma das maiores necessidades de Quarteira.

Veremos qual a posição da CMLoulé no futuro em relação a este assunto que tanto preocupa os Quarteirenses.

Anônimo disse...

O dono deste blog é muito esperto ao dizer "veremos qual a posição da CMLoulé no futuro em relação a este assunto".
8 anos não chegaram para pensarem nisso? ou querem mais 4 para pensar? ainda morrem de cansaço de tanto puxarem pelo miolo.