terça-feira, 24 de março de 2009

Em Quarteira a Arriba na Praia do Cavalo Preto já Custou muito aos Quarteirenses.

"Do programa de requalificação de praias que a C.C.D.R.Algarve lançou, está previsto o balizamento das zonas de risco da arriba da praia do Forte Novo em Quarteira.
Ao contrário de outras praias que irão ter um reforço de areia, esta parece ser que apenas irá receber vedações das zonas em riso de queda.
Tantos anos após a queda do Forte continuamos e pelos vistos continuaremos a assitir ao desbaste da arriba.
As ondas quando avançam para a praia trazem areia mas ao recuarem arrastam-na para o mar.
Este não é um problema de Quarteira, ou do Algarve, é um problema que afecta grande parte da nossa costa, colocando construções e vidas humanas em perigo.
Já existem técnicas que não só evitam que o mar leve a areia da praia e avançe costa dentro como ainda promovem a reposição de areia nas praias. Um dos métodos já testados consiste em canalizar as águas da superfície para um canal subterrâneo que as devolve ao mar, evitando que a areia seja arrastada. Ao evitar o recuo das ondas à superfície apenas passará a haver o depósito de areia na praia, aumentando o areal."
in, ATELIER PEDROSO, Julho de 2008


Hoje em dia são apresentadas soluções numa tentativa de diminuir o mal que foi feito no passado. Contudo,esta que é apresentada no blog Atelier Pedroso se demonstre muito atractiva. O fundamental é conservar aquela arriba que contribui para o ecossistema da zona. Embora, saibamos que devido ás movimentações das placas tectónicas, particular-me este zona do Algarve está afundar-se. E esta erosão que ocorre, já nos foi bastante cara, com a perda do Forte de Quarteira. Como diz o Professor Doutor, João Pedro Bernardes da Universidade do Algarve; "Há ainda, o Forte Novo, do século XVII, que já está 20 m dentro de água devido ao recuo da linha de costa, aparecendo quando a maré está baixa". penso que a solução passa pelos Quarteirenses deixarem de lado esta passividade que existe em relação ao seu ambiente e património Histórico. Mas isto é revelador da falta de uma cultura.

2 comentários:

ssebastiao disse...

Muito bom post... depois de reveres o penúltimo parágrafo ;)
Como vês o "velho" João pode ajudar o jovem João e, juntos, darem uma volta ao Património de Quarteira!

João Santos disse...

Não há para rever António. Às vezes a verdade tem que ser dita, não é com uma mão cheia de pessoas que se muda as coisas, mas sim com uma população em consonância com o seu passado.